Reprografia

Olá! Semestre passado alguns de nós pegamos reprografia, matéria optativa, que estuda, basicamente, as técnicas de reprodução de documentos, e aí embaixo tem a bibliografia passada pela professora para quem quer saber mais.

Bibliografia:

ALBERCH FUGUERRAS. Ramon. La microfilmación y la digitalización. In: ___. Los archivos, entre la memoria historica y la sociedad del conocimiento. Barcelona: Editorial UOC, 2003, capítulo VII, item 3, p. 137139.

ANDRADE. Ana Célia Navarro de. Microfilmagem ou digitalização? O problema da escolha certa. In: SILVA, Zélia Lopes da. Arquivos, patrimônio e memória: trajetórias e perspectivas. São Paulo: Editora da UNESP; FAPESP, 1999, capítulo 8, p. 99-113.

ANDRADE, Ana Célia N. Microfilme: passado, presente e futuro da preservação documental. Registro, Indaiatuba, Ano III, n. 3, p. 51-60, jul. 2004.

ARCHIVO General de Índias. Proyeto de informatización del Archivo General de Indias. Madrid: Ministerio de la Cultura, 1990.

ARQUIVO Nacional (Brasil). Conselho Nacional de Arquivos. Resolução nº 10, de 06/12/1999. Dispõe sobre a adoção de símbolos ISSO nas sinaléticas a serem utilizadas no processo de microfilmagem de documentos arquivísticos. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil]. Brasília, n. 244, p. 202-203, 22/12/1999, seção 1.

AUGUSTO, A. Os novos documentos eletrônicos. Byte, São Paulo, n. 5, p. 35-50, 1993.

ANDRADE, Carlos Drummond de. A memória nacional em microfilme. In: RIO DE JANEIRO, Biblioteca Nacional. Periódicos brasileiros em microformas, catálogo coletivo. Rio de Janeiro, 1981, p. 17-18.

BELLOTTO. Heloísa Liberalli. Direito à história: a questão da microfilmagem de arquivos coloniais e o Projeto Resgate. In: ___. Arquivos permanentes: tratamento documental. 4. ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006, capítulo 18, p. 279-297.

BERTOLETTI. Esther Caldas. Como fazer programas de reprodução de documentos de arquivo. São Paulo: Arquivo do Estado, Imprensa Oficial do Estado, 2002. 48p. (Projeto Como Fazer; 7).

___. Memória dos municípios brasileiros: documentos como monumentos da cidadania. Registros. Indaiatuba, n. 3, p. 43-50, jul. 2004.

___. Prefácio. In: RIO DE JANEIRO, Biblioteca Nacional. Periódicos brasileiros em microformas, catálogo coletivo. Rio de Janeiro, 1981, p. 13-15.

___. Projeto Resgate e o direito à memória do patrimônio documental. Páginas a&b. Lisboa, n. 15, 2005, p. 179-197.

BRASIL. Decreto nº 1799, de 30/01/1996. Regulamenta a lei nº 5433, de 08/5/1968, que regula a microfilmagem de documentos oficiais e dá outras providências. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil]. Brasília, n. 22, p. 1497-1498, 31/01/1996, seção 1.

CABRAL, Maria Luísa. Amanhã é sempre longe demais; crônicas de preservação e conservação. Lisboa: Gabinete de Estudos, 2002. (Estudos a & b. Teoria, 2).

____. Jornais microfilmados: que destino? Tradução da comunicação original apresentada ao IFLA Symposium on Managing the Preservation of Periodicals and Newspapers, Paris, 21-24 August 2000. p. 153-172.

____. Microfilmagem & digitalização: a coexistência pacífica. Páginas a&b, Lisboa, n. 2, p. 41-52, 1998. [Texto revisto].

____. Microfilmagem, hoje ainda. Comunicação à XII Assembléia Geral da ABINIA, Listoa: Biblioteca Nacional, 19 de outubro de 2001. p. 173-196

CONWAY, Paul. Preservação no universo digital. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos, 2001. (Apostila n. 52).

DOLLAR, Charles M. O impacto das tecnologias de informação sobre princípios e práticas de arquivos: algumas considerações. Acervo, Rio de Janeiro, v. 7, n. 1-2, p. 3-38, 1994.

ELKINGTON, Nancy E. Apêndice 1: relação entre avaliação arquivística e seleção para preservação. In: ___. Manual do RLG para microfilmagem de arquivos. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos, 2001, p. 113-116, (Apostila n. 53).

FIGUEIREDO, Nice Menezes (org.). Manual de reprografia. São Paulo: s.l., 1978.

FLORES, Daniel. Reprografia. Disponível na Internet, no endereço: http://www.arquivologia.ufsm.br/daniel/disciplinas/reprografia 1/textos.html

FOX, Lisa. Microfilmagem de preservação: um guia para bibliotecários e arquivistas. 2. ed. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos, 2001. (Apostila n. 48).

GAGLIARDI, Pedro L. R. Substituição de suportes: papel x microfilmagem x documento digital, texto disponível na Internet, no endereço: http://www.cjf.gov.br/revista/numero6/artigo14.htm

GONZÁLEZ GARCÍA, Pedro. Los documentos en nuevos soportes. Boletim do Arquivo, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 19-35, 1992.

INOJOSA, Rose Marie, BILOTTA, Sérgio. Microfilme: solução ou parte do problema? Cadernos FUNDAP, ano 4, n. 8, p. 56-59. (também disponível na Internet: http://www.arquivologia.ufsm.br/daniel/disciplinas/reprografia1/textos.html).

LEONARDI, Roberto Antônio. Informática. In: MANUAL de conservação preventiva de documentos: papel e filme. São Paulo: EDUSP, 2005, p. 45-50.

LOPES, Luis F., MONTE, Antônio C. A qualidade dos suportes no armazenamento de informações. Florianópolis: VisualBooks, 2004.

OLIVEIRA, Maria de Lourdes C., ROSA, José Lázaro S. Teoria e prática de microfilmagem. Rio de Janeiro: FGV/INDOC, 1981.

PAES. Marilena Leite. As técnicas modernas a serviço dos arquivos. In: ___. Arquivo: teoria e prática. 3. ed. rev. e ampl. Rio de Janeiro: Editora Fundação Getúlio Vargas, 1997, capítulo 7, p. 155-159.

PAULINO, Dênis. Microfilmagem. In: MANUAL de conservação preventiva de documentos: papel e filme. São Paulo: EDUSP, 2005, p. 39-44.

RIO DE JANEIRO, Biblioteca Nacional. Microfilmagem sistêmica. In: ___. Periódicos brasileiros em microformas, catálogo coletivo. Rio de Janeiro, 1981, p. 19-21.

SANTOS, N. P. Teixeira dos. Comut, reprografia e direito autoral. Revista de Informação Legislativa, v. 35, n. 140, p. 139-143, 1998.

STRINGHER, Ademar. Aspectos legais da documentação em meios micrográficos, magnéticos e ópticos. São Paulo: Universidade Ibirapuera, 1996.

TESSITORE. Viviane. Conservação de documentos e reprografia. In: ___. Como implantar centros de documentação. São Paulo: Arquivo do Estado, 2003. (Projeto Como Fazer; v. 9), p. 34.

WALKER, Gay. O processo decisório em preservação e fotocopiagem para arquivamento, In: Cadernos CPBA, n. 44-47, p. 15-24.

WATERS, Donald J. Do microfilme à imagem digital. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos/Arquivo Nacional, 1997.

WILLIS, Don. Uma abordagem de sistemas híbridos para a preservação de materiais impressos. Rio de Janeiro: Projeto Conservação Preventiva em Bibliotecas e Arquivos/Arquivo Nacional, 1997.

Att.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: